Eu, aniversários e mamãe.

14086487_1121037601306631_586594304446894547_o

Mamãe sempre comemora seu aniversário, que seja com uma mesa de café, uma mesa de petiscos, sempre com alguma mesa e sofisticadamente simples, mas comemora.

Por uns oitos anos muita energia canalizou em seus aniversários e abandonou os dos filhos.
Atitude que mamãe só percebeu quando eu e meus irmãos comentávamos, entre risadas, durante seu aniversário de 2011.
Pronto! Ali o novo drama se instaurou, mamãe se sentiu a “pior mamãe querida do mundo”.
Sem pedirmos, resolveu se redimir, passou a docemente perseguir nossos amigos para esquematizar comemorações.

Em 2013, ainda se sentindo culpada, mamãe comprou bolo, guaraná e muito doce para o aniversário do Júnior (meu irmão).
Era dia de semana, dia de trabalho e faculdade, Jr chegou cansado em casa, tomou um banho e acabou cochilando no quarto.
Quando despertou o parabéns já tinha sido cantado, o bolo partido.
– Eu fiz seu aniversário, se dormiu problema seu!

Eu, por morar sempre longe, consegui escapar por um tempo, mas esse ano nao teve jeito!
Mamãe escolheu a festa, a decoração, o cardápio, a sobremesa, o sabor do bolo.
Alugou pratos, determinou a bebida.
Montou “sua” mesa, convidou os convidados.
Resolveu que horas tudo começaria, ficou brava com quem chegou atrasado e indignada poq eu queria conversar e não cortar o bolo.

Agora mamãe se redimiu e continuamos vivos.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s